Preds Pelo Mundo, Prospectos Centrais

#PredsPeloMundo traz agora os centrais, talvez junto aos defensores nosso maior potencial para NHL, se já não for o maior considerando todos os quesitos e o momento. Não há dúvida que Philip Tomasino é o nome grandioso para o nosso futuro, o jogador é predominante em sua equipe. Grant Mismash parece estar se reencontrando, Rem Pitlick já mostra estar quase lá, Patrick Harper pode se recuperar.

CENTRAIS
Philip Tomasino melhor do que nunca (Foto: John Russell)

ALEXANDER CAMPBELL, 18 ANOS - OMAHA LANCERS (USHL)

Campbell é escolha de terceira rodada do último NHL Draft 2019, sua alta produção pelo Victoria Grizzlies (BCHL), também chamou a atenção de nossos olheiros, no qual ele recordou 67 pontos em 53 jogos, 21G 46A. Classificado como o terceiro central no ranking, atrás de Rem Pitlick, Philip Tomasino em Nashville, Campbell parece-me com bom potencial. A USHL não apresenta muitas opções de streams para acompanhar mais farei o possível dada sua boa avaliação. Posso acreditar que desempenhará um bom papel na liga.

GRANT MISMASH, 20 ANOS - UNIV. DAKOTA DO NORTE (NCAA)

Mismash caiu muito em relação à expectativa criada anteriormente sobre ele. Constantemente na lista da seleção de juniores de seu país, coincidentemente ou não, após não ser mais chamado seu desempenho caiu, sofreu lesões, e o afetou psicologicamente também. Na última temporada registrou 10 pontos em 24 jogos que disputou. Em meio ao mês de Janeiro, Mismash sofrera mais uma lesão, dessa vez no joelho que quase o tirou da temporada e afetou seu desempenho. Chegou a ficar 8 jogos seguidos sem pontuar, mas no entanto, o central foi o jogador mais disciplinado de sua equipe, único ponto positivo na temporada. Não acredito que a próxima seja pior, desde que esteja saudável, o jogador oriundo do NHL Draft de 2017 na segunda rodada, tem feito bons jogos, agradáveis e sendo incisivo.

JÁCHYM KONDELÍK, 19 ANOS - UNIV. CONNECTICUT (NCAA)

Kondelík é escolha de quarta rodada do NHL Draft 2018 e seu primeiro ano no colegiado há quem critique, há quem faz boas considerações. É claro que quando você olha para Kondelík e vê seus 2,01m de altura se pergunta quanto à sua agilidade, mas o central patina bem, mostrou ter boa leitura na zona ofensiva e foi fundamental nas equipes especiais. Apesar de apenas 4 gols na última temporada, o two-way procurou ser mais incisivo atacando. Espero que ele possa melhorar a sua precisão, pois o jogador vem tentando, e também possa ter uma equipe que o ajude mais para próxima temporada.


JOSH WILKINS, 22 ANOS - MILWAUKEE ADMIRALS (AHL)


Estou curioso para vê-lo em ação na American Hockey League depois de 3 anos com números razoáveis pelo Providence College na NCAA. Tem formado a linha ao lado de Eeli Tolvanen e tem agradado neste início. Veremos até o que ele pode fazer.

PATRICK HARPER, 21 ANOS - UNIVERSIDADE DE BOSTON (NCAA)

Harper foi nomeado para capitão alternativo para a próxima e última temporada dele na NCAA. Terminou com 20 pontos em 38 jogos 14A 6G na última temporada. Ele é muito rápido e ágil devido aos 1,71m de altura, tem habilidade e criatividade. Seu primeiro ano foi o melhor de todos, e agora com um time melhor que o da última temporada, acredito que Harper possa voltar a fazer boas apresentações e que deverá atuar no Top 6 nesta temporada. Harper é escolha de quinta rodada do NHL Draft 2016.

PAVEL KOLTYGIN, 20 ANOS - VITYAZ CHEKHOV PODOLSK (KHL)

Foram 3 temporadas de muita, muita regularidade de Pavel Koltygin na QMJHL com a equipe que teve o melhor ataque entre as ligas canadenses na última temporada, o Drummondville Voltigeurs. Jogando numa equipe que contava com Joe Veleno (Detroit Red Wings), Maxime Comtois (Anaheim Ducks) e Gregor McCleod, Koltygin aproveitou bem para crescer em outros aspectos como seu jogo defensivo, melhorou sua movimentação e seu tiro, principalmente seu slap shoot. Ele registrou 47, 42 e 42 pontos respectivamente nos 3 anos na QMJHL. Agora o jogador partiu para sua terra natal e jogar a KHL o que é excelente para seu desenvolvimento, mas o jogador parece estar encontrando dificuldades, sendo Healthy Scratch em alguns jogos e até agora não pontuou em 10 jogos que disputou, ainda assim é o melhor lugar para ele estar enquanto a Franquia observa e cogita oferecer-lhe um contrato tamanho seu crescimento no último ano. O russo é escolha de sexto round do NHL Draft 2017.

PHILIP TOMASINO, 18 ANOS - NIAGARA ICEDOGS (OHL)

Escolha de primeira rodada do último NHL Draft, Tomasino assim como Eeli Tolvanen caiu em nosso colo e nossos olheiros fizeram na minha opinião a escolha certa. Aquela altura do Draft, havia jogadores disponíveis como, Ryan Suzuki, Jakob Pelletier, Arthur Kaliyev, e Philip Tomasino e hoje é um Predador graças ao nosso corpo de olheiros que melhora a cada temporada. O central versátil registrou 72P 34G 38A em 67 jogos na última temporada. Talvez tenha me empolgado com a escolha, pelo fato de tê-lo visto durante toda temporada, mas acredito em seu potencial, pois é um jogador que cria bem as jogadas, tem um excelente punho, inteligente com a posse do puck, demonstrando saber o que fazer no lugar e momento certos, patina muito bem, é ágil e habilidoso, também sabe se comportar bem defensivamente. Para seu segundo ano na OHL, faço uma projeção que ele possa ultrapassar seus números da última temporada. Em 13 jogos neste início, Tomasino tem 24P 9G 15A e já foi nomeado Player of The Week quando registrou um hat-trick, tem sido o principal jogador de sua equipe em amplos aspectos e futuro do jogador promete.

REM PITLICK, 22 ANOS - MILWAUKEE ADMIRALS (AHL)

O central de 1,80m teve bons anos com a Universidade de Minnesota (Golden Gophers) e sua última temporada foi a melhor, na qual registrou 45P 21G 24A em 38 jogos. Velóz, habilidoso e criador de jogadas, Pitlick é o nosso jogador mais próximo da NHL ao lado de Eeli Tolvanen. O jogador será provavelmente lembrado em caso de lesão. Gosto de como Pitlick conduz o puck e faz boas transições e vai contribuir muito em Milwaukee e Taylor pode fazê-lo ainda melhor. Acredito numa grande temporada de estréia na AHL para a escolha de terceiro round do NHL Draft 2016.

THOMAS NOVAK, 22 ANOS - MILWAUKEE ADMIRALS (AHL)

O central escolha de quinto round do NHL Draft 2015 não impressiona muito, seus anos no colegiado foram de baixa produtividade, registrando 18 gols somados em 4 anos com os Golden Gophers (Universidade de Minnesota), mas é bastante disciplinado e um jogador de grupo. Irá para seu primeiro ano na American Hockey League, embora acredite que possa crescer nas mãos de Karl Taylor, não acho que vá muito longe, mas pode agregar em Milwaukee.

ZACHARY MAGWOOD, 21 ANOS - MILWAUKEE ADMIRALS (AHL)

Magwood foi convidado para participar do Rookie Camp de 2018, foi sensação, fez boas apresentações, principalmente no Prospect Showcase e ganhou um contrato mais que merecido. Zach é rápido, versátil, cria boas jogadas, se tornou perigoso quando no gelo. Magwood apesar de ter registrado apenas 12 pontos em 44 jogos, 4 gols e 8 assistências sendo 6 primárias. O jogador é importante na disposição em Milwaukee, bem disciplinado, e um jogador envolvente. Acredito que nesta temporada acredito em um crescimento ainda maior, mas Taylor o enviou por um tempo para o Florida Everblades.


Fontes: (www.ontheforecheck.com), (www.eliteprospects.com), (www.uconnhuskies.com), (www.fightinghawks.com) , ( https://niagaraicedogs.net),

0 visualização
  • Twitter ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social

Siga-nos

Torne-se um fã

© 2018 Nashville Predators Brasil