Baby Preds no NHL Prospects Showcase

Atualizado: 13 de set. de 2018


Nossos meninos foram para Estero na Flórida para disputa de 3 jogos no NHL Prospects Showcase 2018.


Acho que tivemos linhas equilibradas e uma formação muito interessante montada pelo treinador Karl Taylor (novo head coach do Milwaukee Admirals).


FORWARDS

Tolvanen - Pettersson - Moy

Trenin - Blackwell - Richard

Persson - Kirkland - Magwood

Jeannot - Koltygin - Olivier


DEFENSEMEN

Lyytinen - Carrier

Allard - Yeryomenko

Pyrochta - Dougherty


GOALIES

Svoboda

Westerholm


Mostrando bastante ousadia na formação das linhas, Taylor não hesitou em jogar Moy para ala direita, nem muito menos Yakov Trenin na ala esquerda. Magwood foi muito bem na semana do Preds Development Camp, chamou atenção dos nossos olheiros e comissão técnica, e se destacou no Future Stars Game anotando um hat-trick e ganhou um contrato. O central de 21 anos que não passou pelo draft foi jogar na ala direita. A primeira linha ficou bem consistente, embora não sei se é onde Moy rende melhor. Indo na contra-mão, Yakov Trenin me parece que se saiu bem atuando na lateral do gelo. Essa segunda linha ficou bastante consistente, sem dúvida a melhor no gelo nos dois primeiros jogos. Com os novatos, Yeryomenko e Pyrochta nos pares defensivos, não temos muitas novidades por aqui, sendo que os outros defensores já jogam juntos em Milwaukee pelo menos ha uma temporada.


Bom, Svoboda me pareceu bastante seguro no gelo, sem dúvida ele vai ganhar muito atuando na AHL e mesmo com Grosenick no roster dos Admirals, Svoboda deverá ser nosso starter na liga. Westerholm negou dois breakaways, porém mostrou imaturidade ao entregar um puck em seu domínio com dois jogadores nosso de cada lado ao adversário.


Com menos de 2 minutos Colin Blackwell abriu vantagem para os Preds, mas terminamos o período empatado em 1-1. Yakov Trenin anotou nosso gol solitário no período enquanto os Caps anotaram dois. Entramos no terceiro período perdendo por 3-2, mas um lindo one-timer de Colin Blackwell e dois gols de Mathieu Olivier e direito à um lindo breakaway goal nos deu a vitória pelo placar final de 5-4.


Karl Taylor: "Eu achei que havia muito esforço. "Precisávamos ter nossas pernas... descer e voltar no terceiro é sempre um bom sinal. Se você olhar as estatísticas e os números, é raro que isso aconteça, então foi um bom momento de crescimento isso fora." Os Capitals tiveram um pouco mais de presença ofensiva e disparos à gol.


Colin Blackwell: "Esse primeiro jogo deste torneio, você nunca sabe realmente o que você vai conseguir. É a primeira vez que muitos caras jogam desde março ou abril ou maio ... mas foi bom ver como nos reagrupamos no terceiro e terminamos com isso. Há muitas coisas boas, mas há muitas coisas para limpar até amanhã... Minha mentalidade é ir lá atirar o máximo possível. Para mim, é sobre encontrar essas áreas moles e me divertir com um pouco mais de equilíbrio e aprender com minhas experiências. Eu me senti muito confortável lá".


Mathieu Olivier: "Filip Pyrochta fez uma grande jogada, colocou o disco no gelo e eu tentei mantê-lo simples e colocá-lo no espaço aberto."


Highlights do jogo: https://www.nhl.com/predators/news/preds-rookies-come-back-to-top-capitals-as-prospect-showcase-begins/c-300008806

(Foto: Brooks Bratten)

Já para o segundo jogo, nosso Karl Taylor colocou duas caras novas em relação ao primeiro jogo e tivemos a seguinte formação: