"Os Caipiras do Gelo": A História do Nashville Predators, Cidade Da Música e do Hockey

hockey de verdade em Nasvhille e a mobilização na cidade da música tem sido enorme com o passar dos anos. Com tradições sulistas e não tradicionais à NHL, como poderia os "caipiras" de música country entenderem ou se quer gostarem de hockey? Lançar bagres no gelo (que fique claro aos radicais que os animais já estão mortos, são apenas tradições). O momento "Smash Car" é um momento super divertido criado pelos fãs durante os jogos de Playoffs. É uma loucura em dia de jogos na Bridgestone Arena, é sem dúvida a franquia mais calorosa da NHL.

Há Hockey de Verdade Na Cidade da Música!


Tudo começou quando a cidade de Nashville decidiu construir uma arena para receber alguma liga de esporte americano (não sei precisamente a data). A princípio crescia uma realocação do New Jersey Devils para a futura Nashville Arena, mas não durou muito quando Gary Bettman anunciou que provavelmente Nashville seria séria candidata para uma expansão próxima.


A arena planejada foi inaugurada em 18/12/1996 e a tentativa inicial era trazer o Sacramento Kings da NBA, mas também não se concretizou, então a cidade decidiu ir atrás de um time de hockey.


Em janeiro de 1997, um grupo liderado por um empresário de Wisconsin, Craig Leipold fez uma apresentação formal perante à NHL solicitando uma franquia de expansão, provavelmente Nashville. Quando Bettman e os oficiais da liga visitaram Nashville para fazer um tour pela arena, milhares se reuniram na praça da arena para saudá-los. Em junho, a liga concedeu formalmente franquias condicionais à Nashville, Columbus, Ohio, Atlanta e Minneapolis.


Em 25/06/1997 o Conselho de Governadores da NHL concede uma franquia condicional à Leipold Hockey Holdings. Em 01 de julho de 1997 Jack Diller é nomeado o primeiro presidente do Nashville.


A equipe de Nashville estaria programada para começar a jogar em 1998 se atendesse ao requisito da NHL de vender 12.000 ingressos para a temporada antes de 31 de março de 1998. Das quatro cidades, Nashville foi a única com uma arena concluída e, portanto, começou a jogar primeiro. Um mês depois, Leipold nomeou o ex-gerente geral do Washington Capitals David Poile como o primeiro gerente geral da franquia. Quando o antigo gerente geral do Capitals, David Poile, foi contratado pelo recém-estabelecido Nashville, ele decidiu trazer Barry Trotz junto para se tornar o primeiro treinador principal da equipe, ex-treinador principal do Portland Pirates, Barry Trotz, foi nomeado em 6 de agosto.


Poile foi um jogador de hóquei de sucesso na Northeastern University em Boston, Massachusetts, ainda detendo o recorde de maior número de hat-tricks na carreira, com 11 anos. Poile começou sua carreira na NHL como assistente administrativo com a expansão Atlanta Flames em 1972. Cinco anos depois de ingressar na organização Flames, foi nomeado gerente geral assistente.


Poile deixou o Flames para se tornar o vice-presidente e gerente geral do Washington Capitals. Ele serviu nessa posição por quinze anos. Durante seu tempo em Washington, ele teve bastante sucesso e os capitais acumularam um recorde de 594-454-124 sob seu controle.


Depois de trabalhar em Washington, Poile assumiu o cargo na expansão Nashville Predators em 1997 e permanece até hoje. Ele já provava fazer muitas jogadas astutas e criou uma equipe competitiva com um orçamento limitado.


Barry Trotz anteriormente foi o treinador dos Baltimore Skipjacks e Portland Pirates da AHL, com os quais ganhou um campeonato da AHL em 1994. Nesse mesmo ano, ganhou o Louis A.R. Pieri Memorial Award, que é concedido ao treinador de destaque na AHL conforme votado pela AHL Broadcasters and Writers. Trotz sempre participou ativamente em amplas atividades, mesmo antes de o time começar a jogar, Trotz estava envolvido no processo de expansão dos Predators, fazendo scouting de jogadores e ajudando a projetar as instalações do time na Nashville Arena.


Em 25 de setembro de 1997, Leipold e o presidente da equipe Jack Diller deram uma coletiva de imprensa revelaram o novo logotipo da franquia, um tigre dente-de-sabre (Smilodon floridanus). O logotipo era uma referência à fósseis parciaisl do animal encontrado sob o centro de Nashville em 1971 durante a construção do prédio do First American National Bank, agora a Torre UBS.

Primeiro Logo

Diferentemente, onde se escolh