Preds e Bolts Digno de Stanley Cup, Pekka Outra Grande Noite e Uma Vitória Fantástica


Pekka foi incrível e temos uma equipe ainda mais incrível à sua frente (Foto: Jonh Russell/via Getty Images)

Intensidade do início ao fim, teste para cardíaco dígno de Stanley Cup, esse foi Preds e Bolts. Pekka fez defesas incríveis (como sempre) segurou os Bolts nos momentos mais difíceis, conseguiu sua vitória de número 319 empatando com o lendário Miikka Kiprusoff (Calgary Flames) como os goleiros mais vitoriosos nascidos na finlândia, Pekka já havia ultrapassado o goleirão finlandês em shutout na última temporada, ah, e ele ainda registra 9-0-1 na carreira contra os Lightning. Fomos consistentes defensiva e ofensivamente. Vencemos incríveis 74% dos faceoffs ou 40 de 54. Mattias Ekholm chegou à 100 assistências na carreira


Tampa Bay Lightning 2 - 3 Nashville Predators (Nashville, 19/11)

🚨 Turris (5) ➡️ Järnkrok (3) Ekholm (9)

🚨 Forsberg (13) ➡️ Ekholm (10) Johansen (16)

🚨 Johansen (4) ➡️ Smith (5) Josi (10)


Josi inaugurou cedo a jaula e foi chamado por cross checking, sobrevivemos. Foram 3:45 jogados até o primeiro tiro à gol de uma das equipes, Pekka defendeu. Uma rápida transição colocou os Bolts na frente com Victor Hedman. Após o gol mantivemos alguma pressão mas parávamos em Domingue, que, em um lance com Salomäki acabou se machucando, mas nada grave, menos mal, pois eles já estão sem Vasilevskiy por um bom tempo. Ganhamos nossa primeira oportunidade de power play com Hedman cometendo slashing e é claro que cedemos uma chance shorthanded ao adversário. McDonagh nos deu uma vantagem ainda maior ao cometer holding e nos deixar no 5-on-3 por 0:53 segundos mas foi no 5-on-4 que conseguimos mais um gol de power play, outra vez Kyle Turris para empatar a partida. Os visitantes seguiram sem conseguir passar pela zona neutra, apenas no minuto final exerceu algum pereigo e o período se encerrou com 16-8 Preds shots.


Pekka teve que trabalhar numa chance de breakaway assim que o período começou, em seguida veio nossa reposta e Miikka Salomäki perdeu duas grandes chances (qual é a novidade?). As equipes trocaram bons ataques, transição em velocidade Ekholm deixa o puck para Filip Forsberg e foi fatal, virada dos Preds, que tiro amigos. A pressão era toda nossa, então Josi iniciou a jogada, passou para Smith que disparou e Joey fez um grande desvio, Um Senhor All-Star Tip para anotar, 3-1 Preds. Bitetto é chamado por interferência e aniquilamos. Momento de sorte, os Bolts chegaram ao gol, mas Killorn cometeu tripping antes e então voltamos à marcação do gelo e vamos ao power play, que foi um dos piores que já vi, parecia que Tampa estava com a vantagem. Eles voltaram atacar no final do período mas Pekka salvou, encerramos com 13-9 Preds shots no segundo.


Tampa iniciou o terceiro como iniciou os períodos anteriores, pressionando, atacando e dessa vez logo conseguiram o gol com boa jogada que terminou no gol de Kucherov. Os visitantes seguiram melhores, demos apenas dois tiros até a primeira parada. Descíamos da metade do período e Pekka Rinne fez a defesa do jogo com segurança, incrível como este monstro faz parecer fácil. O jogo ganhou em emoção e eu ficava louco com esse jogo maluco. Restando 5 minutos, a intensidade estava no gelo e atmosfera na Arena era incrível. Um minuto e eu não conseguia ouvir nem Willy Daunic nem Chris Mason (narrador e comentarista FOX Sports Tenneessee, respectivamente), só os gritos na Arena durante o empty net, a multidão estava em puro delírio enquanto o jogo se encaminhou para o fim. Ainda deu tempo de Mattias Ekholm de fazer o que se pode dizer que é um gol sem dúvida, o puck já passara por Pekka ia ultrapassando a linha do gol quando ele afastou quase em cima da linha evitando o empate restando 0:10 segundos de jogo.


GAMESTATS

SOG - TBL 31, NSH 34

BLKS - TBL 16, NSH 7

FOW - TBL 14, NSH 40

HITS - TBL 16, NSH 11

PP - TBL 0/2, NSH 1/3

Joey deu tip primoroso, de quem conhece para anotar seu tento e foi primeira estrela do jogo (Foto: John Russell/via Getty Images)

3 STARS

🌟 Johansen (2P 1G 1A, 2 hits)

⭐⭐ Rinne (29-31 saves, 93.5% SV)

⭐⭐⭐ Ekholm (2A, 2 blks)


Pekka Rinne: "Fomos muito bons no início do jogo, e na maior parte controlamos os eventos no gelo", disse Rinne. "Eles tiveram um grande empurrão de volta no terceiro ... mas sempre que você joga um time de topo como esse, eles vão ter algumas chances e eu acho que nós medimos contra eles muito bem."


Filip Forsberg: "Tem sido bom", disse Forsberg sobre a peça de sua linha. "Queremos contribuir todas as noites na súmula. Tivemos um par de bom aspecto no último jogo, mas não foi do nosso jeito. Tivemos dois grandes gols no segundo lá para fazer o time ir e é isso que estamos aqui para."


Mattias Ekholm: "Eu poderia ter vivido sem o último (lance em que evitou o gol certo de Tampa). Eu estava apenas tentando mantê-lo fora da rede, e deu certo. Eu acho que fui uma boa noite para nós; nós jogamos um jogo rápido. Foram duas grandes equipes fazendo isso, e nós conseguimos o último soco. Nós estávamos lutando duro a noite toda."... "Temos 82 jogos no ano e, obviamente, todos eles não serão tão especiais", disse Ekholm. "Mas, quando é nº 1 vs nº 2 ou estamos jogando um bom adversário, eu sinto que todo mundo está trazendo seu 'jogo A'... Foi apenas duas equipes boas indo para ele, e foi enorme para nós conseguirmos a vitória ".


Filip Forsberg: "Eles são realmente um bom time de hóquei. Eles têm algum poder de fogo por lá, e eles podem te machucar. Mas nós lutamos por isso; os caras trabalharam duro e fizeram um trabalho inacreditável no final. Pekka hoje à noite nos salvou. Este jogo foi 3-2, mas acho que foi um jogo melhor do que aquele que jogamos contra eles antes." (jogo anterior foi 4-1 para os Preds)


Peter Laviolette: "Jogamos um jogo muito melhor do que fizemos em Tampa, embora tenhamos vencido. Quando o jogo acabou, nos reunimos no dia seguinte como um grupo para falar sobre o padrão de jogo que queremos aqui e que o primeiro jogo não foi. Nós confiamos demais em nosso goleiro e as chances foram desequilibradas em favor de Tampa. queríamos jogar um jogo melhor do que jogamos lá e sabemos que eles são um dos melhores times da Liga. Foi um bom jogo."


Highlights:

Voltamos ao gelo na próxima quarta-feira, 21/11 às 23:00h (horário de verão) na Bridgestone Arena onde recebemos o time do St. Louis Blues.

11 visualizações
  • Twitter ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social

Siga-nos

Torne-se um fã

© 2018 Nashville Predators Brasil