Muitos Erros de Passes e Pouco Volume Ofensivo na Derrota para Os Flames

Foram duas derrotas nessa passagem pelo oeste do Canadá, dessa vez caímos para os Flames em um jogo onde cometemos inúmeros turnovers outra vez, erros de passes e desatenção defensiva. Ser sermos criativos na zona ofensiva, nossas duas primeiras linhas foram praticamente nulas e a derrota foi inevitável. Eeli Tolvanen foi healthy scratch e isso meu deu nos nervos.

Grimaldi foi nosso melhor jogador no gelo (Foto: John Russell/via Getty Images)

Nashville Predators 2 - 5 Calgary Flames (09/11)

Goals: 🚨 Sissons (6) ➡️ Josi (16) Salomäki (2)

🚨 Smith (8) ➡️ Ekholm (15) Grimaldi (1)


Um vacilo de Kevin Fiala e Ryan Johansen deu contra-ataque para os Flames que aproveitaram para abrir o placar com Oliver Kylington e toda liberdade para anotar seu primeiro gol na carreira no primeiro tiro à gol. Bonino é chamado por hooking enquanto o jogo seguia frio e sem muitos ataques das equipes, mas cometíamos erros que nos custavam alguns pucks. Passávamos da metade do período e eram 3-2 Flames shoots. Um bom shift da quarta linha nos rendeu nossa primeira oportunidade me power play mas nada fizemos. Restando um minuto para o fim do período Josi joga o puck para a slot e Colton Sissons consegue um belo tip tirando de Mike Smith empatando o jogo e encerrando o período com 7-4 Preds shoots.


Tivemos duas boas chances no início do segundo e paramos em Smith e os Flames responderam. Ryan Johansen fez um passe inacreditável para trás dando oportunidade em breakaway que Saros salvou. Joey nitidamente mal no jogo, não acerta uma jogada. O período era todo de Calgary e Hamhuis foi para jaula por holding, sobrevivemos e fomos à um 4-on-4 por dois minutos quando Hartman e Hathaway se estranharam. Saros fez duas boas defesas logo de cara e mais umas depois salvando antes do full strenght. Sean Monahan veio sozinho atrás do gol e ficou com o puck em frente à Saros para tomar a dianteira na partida. Estes 20 minutos conseguiram ser piores que os primeiros da nossa parte, muitos passes errados e 12-8 Flames shoots


Empatamos com 0:54 segundos, com muito esforço defensivo o puck sobrou para Grimaldi que deu um passe preciso para Ekholm que deixou para Craig Smith no círculo de faceoff tentar o disparo e o goleiro aceitou. Um pouco depois um disparo da blue line, Hathaway deu tip tirando Saros e tomando a frente novamente. E mais alguns minutos, outro turnover deixou Alan Quine para ampliar. Saros fez boas defesas no jogo, e fez o que pôde dessa vez, malditos turnovers. Os Flames seguiram melhor e não chegaram à mais um gol graças à Grimaldi que conseguiu evitar. Mais de 3 minutos restantes tiramos o goleiro, e 15 segundos depois gol de Lindholm fechando o caixão. Bom então os 20 minutos finais foram ainda piores.


Péssimo desempenho defensivo e ofensivo, poucas jogadas criadas ou trabalhadas, muitos erros de passes (novamente). Salomäki, Rocco Grimaldi e Colton Sissons foram os melhores no gelo, a quarta linha também, porém, as duas primeiras linhas foram praticamente omissas. Ryan Johansen não acertou uma jogada se quer, erros de passes e péssimo esforço defensivo. Triste ver Eeli Tolvanen de fora mesmo com tantas ausências Laviolette optou por não coloca-lo no gelo.


GAMESTATS


SOG - NSH 27, CGY 25

BLKS - NSH 16, CGY 10

FOW - NSH 21, CGY 22

HITS - NSH 21, CGY 12

PP - NSH 0/1, CGY 0/2


3 STARS


⭐ Kylington

⭐⭐ Monahan

⭐⭐⭐ Quine


Ryan Ellis: "Eles queriam mais. Às vezes, jogamos bem e às vezes eles nos superam, então é só voltar ao básico. Nós obviamente fomos atingidos pelo bug das lesões, e quando isso acontece, você tem que simplificar seu jogo e jogar muito previsível para seus companheiros de equipe."


Craig Smith: "Nós apenas lhes demos muitas chances. Saros é um bom goleiro, mas nós demos à eles muito como fizemos, e eu pensei que eles capitalizaram em um monte de turnovers rápidos. Nós vamos ter que voltar e olhar para o vídeo e fazer alguns ajustes novamente e corrigir... Essa equipe é boa em permanecer durante o dia", disse Smith. "Fizemos um ótimo trabalho de não olhar no espelho retrovisor ... Mas os resultados nos últimos dois jogos, especialmente nossos jogos de estrada, não estão onde queremos. Vamos nos apropriar dele e fazer as correções certas."


Peter Laviolette: "Especialmente no primeiro período, achei que ficamos muito fortes defensivamente, e é um jogo de 2-1 indo para o terceiro período. Nós amarramos, então esse era um grande objetivo naquele momento, mas eles conseguiram esse gol de redirecionamento ... e não conseguimos pegá-lo de lá."


Highlights:

Os Preds voltam à Nashville e recebem o Ottawa Senators na terça-feira (11/12) na Bridgestone Arena às 23:00h (horário de verão)

10 visualizações
  • Twitter ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social

Siga-nos

Torne-se um fã

© 2018 Nashville Predators Brasil